quinta-feira, 28 de abril de 2011

Amo o Recife!


Moro nesta cidade há quarenta anos, os meus filhos eram pequenos quando aqui cheguei,aqui estudaram,fizeram faculdade e se formaram.
Eu conheci outras cidades, mas sempre voltei ao Recife. Sempre pensando na musica (Voltei Recife) que por duas vezes tocava no meu regresso, coincidentemente no carnaval.
É o Recife a cidade que escolhi para morar. Tem os problemas que toda cidade grande tem, tem violência, tem crimes, sendo que os daqui são mais os crimes passionais.
Eu adoro o Recife!
Não é tanto pelo seu famoso carnaval, eu não brinco, às vezes eu gosto de ver os blocos pela televisão. Têm os Blocos das Flores, da Saudade, todos cheios de recordações dos carnavais passados.
Eu adoro o Recife!
Não é tanto por suas festas juninas, que por aqui são festejadas durante todo o mês de junho. Com quadrilhas juninas e suas fantasias luxuosas, onde concorrem vários estados Nordestinos. Nas festas de rua todas ficam decoradas, as comidas deliciosas, os diversos cantores. Tem para todos os gostos, o meu cantor preferido é Flavio José.
Por que então eu adoro o Recife?!
Pela sua beleza! O traçado de suas pontes sobre os rios Capibaribe e Beberibe. Dizem que parecem  com a cidade de Veneza, eu não acho não.Não é bairrismo, mas acho a “Veneza Brasileira” como é conhecida a minha cidade mais bonita! Cada uma com sua beleza, uma na Europa outra aqui no Nordeste.
Pelo seu mar lindo! A praia de Boa Viagem considerada a mais limpa do Brasil! A internacional praia de “Porto de Galinhas”, com suas piscinas naturais e o imenso cerco de Corais.
Amo o Recife pelo seu povo hospitaleiro, o bom humor do pernambucano, a sua simplicidade.
Amo o Recife pelos seus poetas! Moro em uma quinta que homenageia os poetas pernambucanos, como Manoel Bandeira, Ascenso Ferreira, Carlos Pena,João Cabral de Melo Neto, o meu prédio rende homenagem ao “Poeta das Cigarras” o Olegário Mariano.

Amo o Recife! O amor não tem explicação!Ou se ama ou não!

Paz Celina

5 comentários:

✿ chica disse...

Linda declaração de amor à essa tua linda cidade onde tua vida se passou...

beijos,tudo de bom,chica

Sonica disse...

Que bonita declaração de amor a sua cidade!
Não conheço Recife, mas está nos meus planos para este ano!
Bjs,

Cacá - José Cláudio disse...

"Queres cantar o mundo? Então canta a tua aldeia". Já ensinava o mestre Tolstoi. O lugar da gente, seja feio ou bonito é onde a história de nossa vida se dá. Quando há o reconhecimento feito esse seu, encanta a todos. Eu já disse para as minhas filhas que quero terminar a minha vida morando no litoral. Vivo pesquisando. Já estou afunilando minhas preferências e atualmente estou entre Recife e Natal. Um abraço , Celina e obrigado mais uma vez pelos generosos comentários sobre o meu livro. Abração. Paz e bem.

Amapola disse...

Bom dia, querida amiga Celina.

Que homenagem linda... Quando somos recebidos assim, de braços abertos, e as coisas tomam um rumo, somos eternamente gratos. Parabéns para Recife e suas belezas.

Um grande abraço.
Felicidades!!

Toninhobira disse...

Aprendi a amar com fé e orgulho a terra que nasceste.E assim o faço com minha linda feia querida Itabira encostada entre serras lá nas Minas tão Gerais.Mas aí o mar atravessou minha vida e largou nesta Salvador que aprendi a amar,por ter me dado as coisas que precisava e hoje me inspira olhar para este mar e sentir que minhas montanhas o namora de longe.Mas ficou linda sua declaração de amor ao Recife e varios colegas que tenho advindos da relação elericidade nordeste me falam tçao bem que parece que a conheço e gosto.Parabens Celina por esta fifelidade a cidade que lhe acolhe e faz bem.Meu abraço de toda paz e Viva o Recife.Belo fim de semana.