quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Vivência

Habitualmente,perdemos tempo, em desgosto inútil. quando nos achamos em antagonismo com alguém ou vice-versa.
Entretanto,vejamos:
-os outros pensam segundo imaginam;
-falam o que melhor lhes parece;
-fazem o que lhes ocorre aos desejos;
-abraçam o que lhes agrada;
-adquire o que estimam;
-valorizam o que mais amam;
-inclinam-se para aquilo que os atrai;
-vivem com quem mais se afinam;
-estão no caminho que escolheram;
-acham sempre o que procuram.
Isso,porém, não é novidade,porque todos nos padronizamos por diretrizes identicas: agimos como somos e reagimos, conforme a própia vontade, na condução de nossos impulsos.A novidade é reconhecer que os outros e nós teremos inevitavelmente aquilo que fizermos.
Alcançando a certeza disso, vale, acima de tudo, auxiliarmo-nos reciprocamente, sem queixas uns dos outros, de vez que nenhum de nós consegue aperfeiçoamento proprio senão à custa de numerosas experiencias.
à frente da realidade, vivamos com as nossas lições, mantendo a consciencia em paz, e deixemos aos outros o seu própio dom de aprender e de viver.


Do Livro "Respostas da Vida",psicografia de Francisco  Cândido Xavier pelo espírito de André Luiz.

Paz Celina

9 comentários:

Chica disse...

Sempre encontro lindas mensagens e palavras por aqui!

Um beijo,tudo de bom,chica

Cacá - José Cláudio disse...

Há um livro de um psicanalista chamado Flávio Gikovate (VÍCIO DOS CÍCIOS) onde ele diz que a vaidade humana é o princípio de o fim de toda a desavença social que pode existir. Eu acrescentaria que a posse material das coisas é que distancia os homens da solidariedade e da igualdade que nascemos com ela. A partir disso, tudo o que for possível se faz para justificar as diferenças (que não são inatas e sim, criadas).

Desculpe o tamanho, Celina, é a minha interpretação para este ótimo texto que você trouxe. Meu abraço. paz e bem.

Sonica disse...

Muito linda essa mensagem! Reli e vou copiar!!!
Bjs e Feliz 2011!

Sônia Silvino disse...

Celina!
Olá!
Boa noite pra você!!!
"Todos os dias devíamos ouvir um pouco de música, ler uma boa poesia, ver um quadro bonito e, se possível, dizer algumas palavras sensatas."
(Goethe)
Eu acrescento: todos os dias deveríamos visitar um blog de qualidade como esse!
Beijocas, muitas!
Sônia Silvino's Blogs
Vários temas & um só coração!
*Blogueira entrevistada no blog Patchwork nesta semana: Maysha!
Confira!

Toninhobira disse...

Uma bela reflexão para o fim de semana.Há que pensar de como viver sem perder tempo.É preciso valorizar aquilo que realmente nos eleva.Assim como bem vem este texto em mais uma de suas generosidades.Repito sempre é bom ter voce Celina.Sempre meu abraço terno de paz.Toda minha admiração.Bju de luz nos seus dias.

José María Souza Costa disse...

Passei aqui lendo. Vim lhe desejar um Tempo Agradável, Harmonioso e com Sabedoria. Nenhuma pessoa indicou-me ou chamou-me aqui. Gostei do que vi e li. Por isso, estou lhe convidando a visitar o meu blog. Muito Simplório por sinal. Mas, dinâmico e autêntico. E se possivel, seguirmos juntos por eles. Estarei lá, muito grato esperando por você. Se tiveres tuiter, e desejar, é só deixar que agente segue.
Um abraço e fique com DEUS.

http://josemariacostaescreveu.blogspot.com

Maria disse...

Querida amiga lindissima mensagem, excelente escolha como sempre.
Tenha um fim de semana maravilhoso
Beijinhos
Maria

ONG ALERTA disse...

A vida nos foi dada e tenho certeza que fazemos nosso melhor, hoje precisamos agradecer por nossos filhos terem nos escolhido como máe e ter ficado o tempo que foi necessário sei que náo fomos educadas para morte mas precisamos estar vivas para morrer, sei que esperamos morrer antes de nossos filhos mas nossa história de vida náo foi assim que aconteceu, sobrevoivencia sim mas o mais importante é o amor que temos, um grande beijo em seu coraçáo, Lisette.

Sônia Silvino disse...

Mais uma lição de vida, Celina querida! Por isso é tão gostoso te ler!
Beijos, amiga!